Bons projetos, planejamento e novas tecnologias

Fonte: Revista Infra

Acesse aqui a reportagem na íntegra.

Em entrevista à Revista Infra, presidente da Abrava afirma que bons projetos podem impactar positivamente no desempenho climático e energético das edificações

Brasil – A Revista Infra traz, em sua edição número 174, uma entrevista com o presidente da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento (Abrava), Wadi Tadeu Neaime. Na conversa, ele explica que é comum, no setor de construção, observar falhas consistentes de projetos que na maioria dos casos acarreta em aumento de custos e atrasos na conclusão das obras. Wadi Tadeu esclarece que o planejamento muitas vezes é ignorado por uma questão comportamental, já que o ser humano tem como hábito pular várias etapas do planejamento.

O presidente da Abrava recomenda que os projetos de climatização sofrem do mesmo problema, o que num momento em que o custo da energia impacta diretamente nos custos da operação predial, pode representar um aumento considerável dos gastos.

Wadi afirma que a indústria da climatização está sempre evoluindo em busca de oferecer equipamentos cada vez mais eficientes. Ele revela que nos últimos 15 anos, o desenvolvimento da tecnologia voltada para os sistemas de ar-condicionado reduziram pela metade o consumo energético de cada aparelho.

“A refrigeração e o ar condicionado representam sistemas vitais na fabricação e conservação de remédios e de alimentos, nos procedimentos hospitalares e Data Centers, entre outros; além do conforto humano indispensável dentro dos modernos prédios comerciais, assegurando salubridade e produtividade”, explica Wadi Tadeu.

Clique no link abaixo e leia a reportagem na íntegra

Revista Infra Abril_2015.pdf

Anúncios

Sobre Alexandre Fontes

Alexandre Fontes é formado em Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção pela Faculdade de Engenharia Industrial FEI, além de pós-graduado em Refrigeração & Ar Condicionado pela mesma entidade. Desde 1987, atua na implantação, na gestão e na auditoria técnica de contratos e processos de manutenção. É professor da cadeira "Comissionamento, Medição & Verificação" no MBA - Construções Sustentáveis (UNICID / INBEC), professor na cadeira "Gestão da Operação & Manutenção" pela FDTE (USP) / CORENET e professor da cadeira "Operação & Manutenção Predial" no curso de Pós Graduação em Avaliação e Perícias de Engenharia pelo IBAPE / MACKENZIE. Desde 2001, atua como consultor em engenharia de operação e manutenção.
Esse post foi publicado em Brasil, Eficiência Energética, Novas Tecnologias, Sustentabilidade e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s