Em ano em que a coisa está ESQUISITA…

Fonte: Revista INFRA

Acesse aqui a matéria em sua fonte.

…Estar face to face com nossos clientes é fundamental

Para liderar em tempos difíceis, onde já sabemos que a coisa vai ficar ainda mais esquisita, precisamos ter a capacidade de articular e fazer perguntas certas. Uma delas é o que a crise traz de bom? Nos obriga a criar formas inteligentes de trabalhar no médio e longo prazo. Outra pergunta: Será que existe uma luz no final do túnel? A questão a ser respondida deve ser: eu sei qual é o tamanho do meu túnel? Se ainda não sabe, que tal fazer um plano de voo.

Como fazer um plano de voo? Inicie conversando com seus clientes, perguntando o que é possível ou não fazer naquele momento. De que forma podem juntos atuar nos pontos que ambos podem controlar. Além disso é preciso ter resiliência e foco nas estratégias traçadas, comunicar a equipe sobre o real momento da empresa. A honestidade, a transparência e a ética são essenciais para que seus parceiros queiram continuar trabalhando juntos com você, para que todos possam cumprir seus objetivos. Afinal, seu cliente precisa do seu produto/serviço para que o negócio dele continue girando.

Onde está o seu cliente? Como você, o seu cliente também está em busca de alternativas, de soluções. No segmento de facilities, muitos clientes estarão no 9º. Infra Rio, um local onde estão indo para buscar mais conhecimento e se relacionar com outros players do segmento, para que juntos possam ter insights diferentes. Afinal, falou em reduzir custos, a área de FM é certamente a primeira a ser chamada para renegociar os contratos de serviços. Agora a pergunta: Será que estamos fazendo esta redução de forma correta?

Nossos palestrantes estarão conversando conosco no dia 23 de setembro no 9º. INFRA Rio. Participe, já somos mais de 200 inscritos. Acesse www.eventosinfra.com.br e saiba mais!

Anúncios

Sobre Alexandre Fontes

Alexandre Fontes é formado em Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção pela Faculdade de Engenharia Industrial FEI, além de pós-graduado em Refrigeração & Ar Condicionado pela mesma entidade. Desde 1987, atua na implantação, na gestão e na auditoria técnica de contratos e processos de manutenção. É professor da cadeira "Comissionamento, Medição & Verificação" no MBA - Construções Sustentáveis (UNICID / INBEC), professor na cadeira "Gestão da Operação & Manutenção" pela FDTE (USP) / CORENET e professor da cadeira "Operação & Manutenção Predial" no curso de Pós Graduação em Avaliação e Perícias de Engenharia pelo IBAPE / MACKENZIE. Desde 2001, atua como consultor em engenharia de operação e manutenção.
Esse post foi publicado em Artigos Diversos, Brasil, Facility Management e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s