Selo Procel: 20 anos de sucesso

Fonte: Procel Info

Por: Tiago Reis

Acesse aqui a matéria em sua fonte.

Rio de Janeiro – Evento na capital fluminense celebrou os 20 anos do Selo Procel. Solenidade também marcou o lançamento do Selo Procel Edificações, mais um instrumento para aumentar a eficiência energética do país

Tiago Reis, para o Procel Info

Presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto,
durante cerimônia dos 20 anos do Selo Procel

Rio de Janeiro – Uma grande festa marcou a comemoração dos 20 anos do Selo Procel. Realizada em 26 de novembro, no Jockey Club do Rio de Janeiro, a solenidade, organizada pelo Ministério de Minas e Energia e Eletrobras, contou com a participação de diversas autoridades, representantes de fabricantes de produtos contemplados pelo Selo, agentes e associações do setor elétrico, universidades, além de presidentes do Sistema Eletrobras e representantes de concessionárias de energia. O evento também marcou o lançamento do Selo Procel Edificações, um instrumento criado para fomentar o uso eficiente de energia nas construções brasileiras.

A solenidade contou com os discursos do Ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, do diretor do Inmetro, Alfredo Lobo, e do presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto.

Criado em 1985, o Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) é uma iniciativa do governo federal, coordenado pelo Ministério de Minas e Energia e executado pela Eletrobras. O programa tem como objetivo promover o uso eficiente da energia elétrica e combater o seu desperdício. Os resultados do Procel ajudam na melhoria da qualidade de vida da população e eficiência dos bens e serviços, bem como possibilitam a postergação de investimentos no setor elétrico, reduzindo os impactos ambientais.

Atualmente o Selo Procel conta com mais de 3500 modelos de equipamentos, de mais de 200 fabricantes, distribuídos em suas 37 categorias. O sucesso do Selo nesses 20 anos pode ser constatado no aumento significativo da venda de produtos certificados. Somente em 2013, mais de 60 milhões de equipamentos com o selo foram adquiridos pelos consumidores brasileiros, o que proporcionou uma economia de 9,7 bilhões de kWh, energia suficiente para abastecer cinco milhões de residências em um ano.

Em pronunciamento na abertura da solenidade, o presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, enalteceu os 20 anos do Selo Procel, seus resultados e a credibilidade  conquistada durante todo este tempo.

“Grande parte desse resultado (economia de 9,7 bilhões de kWh) é creditada às ações do Selo Procel, criado com a finalidade de ser uma ferramenta simples e eficaz. O selo estimula a competitividade na indústria e o desenvolvimento tecnológico na busca de maior eficiência dos aparelhos elétricos. Além do viés energético, é sinônimo de qualidade, segurança e sustentabilidade”, disse durante o discurso, o presidente da Eletrobras.

Na sequência, José da Costa Carvalho Neto concedeu a representantes do setor elétrico, de fabricantes e de universidades troféus comemorativos em alusão aos 20 anos do Selo Procel.

Em conversa com a reportagem do Procel Info, o presidente da Eletrobras destacou que o Selo Procel não é referência somente no Brasil, mas também há um reconhecimento internacional devido aos resultados obtidos. Para ele, o Procel proporciona uma economia significativa de energia nestes 20 anos por meio do Selo de equipamentos, o que deixa toda a equipe da Eletrobras orgulhosa e com o sentimento de estar cumprindo a sua missão.

“Nós como executores do programa, nos sentimos muito orgulhosos e sabedores de que estamos cumprindo a missão da Eletrobras. Basta ver a quantidade de equipamentos que nós já temos com o Selo Procel. Então realmente toda a população reconhece, toda a população já usa esses equipamentos e hoje de uma forma muito mais econômica. Alguns equipamentos tem um consumo 40% inferior. Isso que é o que o programa de eficiência energética quer. Ele não quer desperdiçar energia. Ele quer é que a energia seja usada de forma mais eficiente. Que com um kWh você tenha mais produção, você tenha mais lazer, e tenha um uso mais eficiente e cada vez maior. Isso torna o país cada vez mais competitivo” afirmou o presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto.

Grande parte do resultado do Selo Procel se dá pelo fato dele ter sido criado com a finalidade de ser uma ferramenta simples e eficaz.

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, também discursou durante o evento e ressaltou os resultados obtidos pelo Procel durante os seus 20 anos de existencia. Lobão afirmou, que o Ministério, por meio do Plano Nacional de Energia (PNE) tem uma meta audaciosa de até 2030 fornecer 10% do consumo de energia do país por meio de ações voltadas para a eficiência energética. O ministro também lembrou que o Brasil investe em eficiência energética há pelo menos 30 anos e que as iniciativas adotadas pelo governo brasileiro são elogiadas internacionalmente.

Em entrevista exclusiva ao Procel Info, o ministro Edison Lobão, mencionou que as iniativas que o país têm praticado na área da eficiência energética mostram que o Brasil está no caminho certo:

“É uma iniciativa que tem produzido resultados extraordinários, com economia de energia e eficiência energética que todos nós sempre buscamos e desejamos. Oxála que o Procel prossiga dando os resultados que têm apresentado para o efeito da garantia do sistema elétrico brasileiro. Com o Procel e outras iniciativas o Brasil consegue a segurança de que está no caminho certo”, disse Lobão.

Ao final da solenidade dos 20 anos do Selo Procel foi lançado o Selo Procel Edificações. A nova certificação visa incentivar e premiar as construções que desde o projeto se preocupam com o uso eficiente de energia. Segundo estimativas, as edificações construídas conforme as normas do novo Selo podem ter uma economia de até 50% durante o ciclo de vida útil do empreendimento. Já para as edificações já construídas, o gasto de energia pode ser reduzido em até 30%. Durante o lançamento dois representantes de edificações construídas receberam o Selo Procel Edificações e outros sete projetos foram citados.

Anúncios

Sobre Alexandre Fontes

Alexandre Fontes é formado em Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção pela Faculdade de Engenharia Industrial FEI, além de pós-graduado em Refrigeração & Ar Condicionado pela mesma entidade. Desde 1987, atua na implantação, na gestão e na auditoria técnica de contratos e processos de manutenção. É professor da cadeira "Comissionamento, Medição & Verificação" no MBA - Construções Sustentáveis (UNICID / INBEC), professor na cadeira "Gestão da Operação & Manutenção" pela FDTE (USP) / CORENET e professor da cadeira "Operação & Manutenção Predial" no curso de Pós Graduação em Avaliação e Perícias de Engenharia pelo IBAPE / MACKENZIE. Desde 2001, atua como consultor em engenharia de operação e manutenção.
Esse post foi publicado em Normas Técnicas, Sustentabilidade e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s